É o grande problema interior, aquele de cada um e de todos. É o problema da alma, que descobre em si mesma um abismo de trevas e de luz, que se contempla com uma mistura de encantamento e de pavor e se diz: "Eu não sou deste mundo, pois ele não é suficiente para me explicar".
Os grandes Iniciados- Édouard Schuré

16 de abr de 2011

Amor...






16/04/2011
7+4+4=
6


Não existe amor pelo outro se não existe amor por mim mesmo... E vice e versa...
Como mostra o selo de salomão, que é formado por um triangulo com o vértice pra cima e outro com o vértice para baixo... Para viver verdadeiramente precisamos estar completos... Com nossa sombra e nossa luz integradas...
Não tem como amar pela metade... Para amar uma rosa é preciso que eu também ame seus espinhos... Isto não quer dizer que eu deva amar a maldade... Significa que eu devo ver no outro além da ilusão e se puder ajudá-lo a fazer o mesmo... Quando escolhemos odiar, escolhemos criar para nós um inferno particular... No perdão encontramos nosso céu...
Hoje quero aprender a amar sinceramentente... amar a rosa integralmente... me amar completamente... amar a vida verdadeiramente... amar a centelha divina no outro... amar a centelha divina em mim... viver na totalidade de quem eu sou... viver simplesmente...

Nenhum comentário:

Postar um comentário