É o grande problema interior, aquele de cada um e de todos. É o problema da alma, que descobre em si mesma um abismo de trevas e de luz, que se contempla com uma mistura de encantamento e de pavor e se diz: "Eu não sou deste mundo, pois ele não é suficiente para me explicar".
Os grandes Iniciados- Édouard Schuré

2 de out de 2012

Aqui e agora...

02/10/2012
2+1+5=
8




Que sejamos abençoados pelo equilíbrio dinâmico e rítmico dos polos em nós...
Mas o que isto vem a ser?
Ainda estou em treinamento intensivo, portanto o melhor que posso fazer no momento é levantar questões...
Tudo tem polos:
noite- dia
claro-escuro
frio-calor... e aí vai...
Encontrar o ponto onde as duas polaridades se tornam um é encontrar o equilíbrio dinâmico?
Como praticamente fazer isto?
Venho tentando a algum tempo entender isto com a minha cabeça e não tenho obtido grandes resultados...
Quando me solto posso sentir este movimento, o ponto onde tudo se conecta...
Para mim parece uma dança, cada movimento desencadeia o seguinte e forma um todo coeso, harmônico...
A respiração ajuda bastante, concentre-se nela e sinta o que eu estou falando por você mesmo. Mantenha sua atenção nas coisas que está executando e busque as correlações entre elas...
Cada dia a sincronia fica mais e mais clara...
Que a sincronia se torne consciente pra mim e pra você...
Aqui e agora!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário