É o grande problema interior, aquele de cada um e de todos. É o problema da alma, que descobre em si mesma um abismo de trevas e de luz, que se contempla com uma mistura de encantamento e de pavor e se diz: "Eu não sou deste mundo, pois ele não é suficiente para me explicar".
Os grandes Iniciados- Édouard Schuré

15 de jan de 2013

Compaixão

15/01/2013
6+1+6=
13


Amor, Deus e mais amor...
É isso que vai nos ajudar na mudança agora...
Amor por si mesmo...
E menos cobrança no próximo...
Aceitar as pessoas como são faz parte do amor e compaixão...
Isso não quer dizer fechá-las num ponto final como se fossem só aquilo e não pudessem mudar...
Mas porque eu mudei, porque consigo enxergar diferente não posso esperar que seja imediato e instantâneo com o outro...
Tenho que fazer por mim o que desejo e aceitar o outro diferente de mim...
Até que um dia ele desperte ou não para aquele ponto... ou pra outro que melhor defina quem esta pessoa quer se tornar ou está se tornando...
Precisamos aprender o respeito, a compaixão e o respeito pelo outro e por nós mesmos...
Assim começamos a esboçar um relacionamento...

Nenhum comentário:

Postar um comentário