É o grande problema interior, aquele de cada um e de todos. É o problema da alma, que descobre em si mesma um abismo de trevas e de luz, que se contempla com uma mistura de encantamento e de pavor e se diz: "Eu não sou deste mundo, pois ele não é suficiente para me explicar".
Os grandes Iniciados- Édouard Schuré

5 de ago de 2011

Justa medida...

05/08/2011
5+8+4=
8


A justa medida entre o material e o espiritual...
Nem tanto ao céu, nem tanto a terra...
Como somos duais!!!
Ou nos concentramos em demasia nas coisas espirituais e nos esquecemos que temos um corpo... ou nos apegamos a matéria e esquecemos de nossa alma...
Até bem pouco tempo atrás, quando decidia mudar de rumo, experimentar coisas novas, tratava de maldizer as antigas... Comecei a perceber que não é porque quero viver algo novo que tenho que levantar a bandeira do que está por vir e detonar o que está sendo deixado para trás.
Todas as minhas experiências são de minha responsabilidade... posso trazer a lembrança e o aprendizado de cada uma delas dentro de mim e seguir adiante...
Mas esta visão só me foi possível a partir da síntese do humano e do divino em mim...
Posso me expandir... posso sorrir... posso me emocionar...
Mas também posso me enganar e aprender com meus enganos...
Hoje encontro a justa medida de mim mesma... e repetindo as palavras de uma amiga: deixo de me sentir de mais ou de menos... Ocupo meu lugar...
Existo e mereço estar aqui!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário