É o grande problema interior, aquele de cada um e de todos. É o problema da alma, que descobre em si mesma um abismo de trevas e de luz, que se contempla com uma mistura de encantamento e de pavor e se diz: "Eu não sou deste mundo, pois ele não é suficiente para me explicar".
Os grandes Iniciados- Édouard Schuré

13 de nov de 2011

Sou...

13/11/2011
4+11+4=
11+8



Transcender a competição... Como podemos ser mais parceiros em nosso dia a dia? 
Dentro deste contexto, onde tentamos encontrar a união, a unicidade neste mundo que até agora foi regido pela dualidade, torna-se difícil até tentar colocar em palavras o que venha a ser esta parceria. 
De forma bem pessoal, posso dizer que ao encontrar a conexão comigo mesma fica tudo bem mais simples. Só que ainda não consigo isto por muito tempo...hahaha... eu me escapo a todo instante...
Uma amiga me disse que coisas de grande magnitude só podem acontecer dentro das coisas simples... nós é que complicamos... Isto me fez um sentido além das palavras... 
Ser quem somos deveria ser o nosso natural... coisa fácil de se realizar... então porque complicamos tanto? Para que tantas máscaras? 
Sinto que quando conseguirmos ser quem somos, no aqui e agora, toda e qualquer competição não terá sentido. Nos sentiremos como parte de um único todo e afetar qualquer uma das partes é afetar a si mesmo...
Hoje me dou o direito de ser quem sou... Além de qualquer expectativa, minha ou de quem quer que seja... apenas SOU!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário