É o grande problema interior, aquele de cada um e de todos. É o problema da alma, que descobre em si mesma um abismo de trevas e de luz, que se contempla com uma mistura de encantamento e de pavor e se diz: "Eu não sou deste mundo, pois ele não é suficiente para me explicar".
Os grandes Iniciados- Édouard Schuré

4 de fev de 2011

Respeito



04/02/2011
4+2+4=
10


Desta vez nossa manifestação pede que sejamos inteiros... Em equilíbrio... o ativo e o passivo em nós... Quanto mais nos conectarmos, o binário (2), que a princípio experimentamos como opostos, começará a se tornar complementar... Um deixará de necessariamente excluir o outro...
Por exemplo: eu e o meu semelhante... São duas coisas distintas, separadas? Se estou em conexão, sei, sinto, intuo que tudo o que faço para manipular o meio me atinge igualmente... Não posso atingir meu semelhante sem ser igualmente atingido...
A roda da vida continua a girar... Como vamos manifestar neste novo ciclo?
Quero estar consciente...
Quero estar em conexão...
Que minha vida possa manifestar a complementaridade de meus opostos... que estes possam se integrar...
Desta forma não mais existirá em cima ou embaixo da roda...
Nela só existirá vida... experiências... vivências... experimentações... escolhas... realizações...
Manifestações mais pautadas em quem realmente SOU...
Se o 4 une os três anteriores em uma nova unidade, dois binários que se unem para manifestar algo... que este algo de hoje esteja unido pela parceria e não pela disputa...
Que as nossas manifestações possam se unir em harmonia ao invés de ficarem disputando entre si...
Que possamos vivenciar algo além de mandar na manifestação para não ser levado pela desconexão...
Que eu possa encontrar pessoas que seja prazeroso compartilhar e unir as manifestações, para que uma nova era se inicie...
Uma era na qual o respeito faça parte de nosso dia a dia como o ar que respiramos...

Nenhum comentário:

Postar um comentário